Publicação
A International Paper anunciou a criação da Reserva do Patrimônio Natural (RPPN) Paineira, uma área com 49,80 hectares em Espírito Santo do Pinhal, que tem como objetivo conservar a diversidade biológica da região. No local, foram identificadas 83 espécies arbóreas e 98 espécies de animais, entre aves e mamíferos.
 
Durante o “Seminário Paisagem, Conservação e Sustentabilidade Financeira: a contribuição das RPPNS para a biodiversidade paulista”, realizado hoje em Espírito Santo do Pinhal, a IP recebe da Secretaria de Meio Ambiente do Estado de São Paulo um certificado que atesta a criação da RPPN Paineira, validando assim o compromisso da empresa com o meio ambiente. A partir de agora, a área reservada não pode sofrer nenhum tipo de manejo, sendo considerada ‘intocável’.
 
“A RPPN foi criada para reafirmar  o compromisso com o meio ambiente e futuras gerações, sendo uma expressão do nosso legado e uma contribuição ao sistema nacional de unidades de conservação, visando à proteção da biodiversidade, do solo e dos recursos hídricos”, diz Robson Laprovitera, gerente de Meio Ambiente da International Paper.
 
EVENTO – O “Seminário Paisagem, Conservação e Sustentabilidade Financeira: a contribuição das RPPNS para a biodiversidade paulista”, realizado nesta sexta-feira, dia 11/11, na Etec Dr. Carolino da Motta e Silva, promoveu uma série de palestras para debater assuntos ligados ao meio ambiente, como restauração ecológica, biodiversidade, políticas públicas, legislação ambiental, entre outros.
 
Na ocasião, estavam presentes o secretário estadual de meio ambiente, Ricardo Salles, o diretor municipal do departamento de Agricultura e Meio Ambiente, Tiago Barbosa; o coordenador do programa RPPN Paulistas, Oswaldo Bruno, além de representantes da FREPESP – Federação das Reservas Ecológicas Particulares do Estado de São Paulo – e especialistas no tema.
 
“Essa discussão é importante para difundir o nosso legado conservacionista e para conscientizar os principais agentes multiplicadores regionais sobre importância do aumento das áreas naturais oficialmente protegidas  em prol da conservação da biodiversidade”, conclui Miguel Magela, coordenador de Sistemas de gestão Florestal da International Paper, da IP.
 
Fonte: International Paper

 

Não há temas
Para procurar por publicações similares, clique
nos temas acima ou nos textos listados ao lado.
Você também pode realizar uma pesquisa
no campo superior desta página.
Você pode ainda publicar seu comentário logo abaixo, assim como mandar sua sugestão por e-mail.


Participe, deixe abaixo os seus comentários.

Ajax Indicator
Ajax Indicator

Institucional

Conheça aqui a rede de comunicação da Associação Brasileira Técnica de Celulose e Papel.

Contato

A ABTCP espera sua mensagem, seja para anunciar, enviar sugestões ou tirar dúvidas sobre nossas publicações.

Nosso Papel | ABTCP | Todos os direitos reservados 2009